I Encontro de Inovação da Cogerh discute conceitos e ações inovadoras nos campos público e privado

18/09/2019

A centelha da inovação está acesa na Cogerh. Agora é cuidar pra que ela se propague e faça a diferença.” Foi essa foi a avaliação do fundador e atual diretor do Centro de Empreendedorismo da Universidade Federal do Ceará (UFC), Abraão Freires Saraiva Júnior, ao final do I Encontro de Inovação da Cogerh. O evento, que contou ainda com a participação do Superintendente de Gestão de Pessoas da Agência Nacional de Águas (Anac), Rodrigo Narcizo, ocorreu nesta terça-feira (17.09), no Auditório Espaço das Águas (Cogerh).

Para idealizadora do encontro e Assessora de Inovação da Cogerh, Débora Rios, os dois palestrantes encontraram um bom nível de sinergia. “Enquanto o doutor Abraão tratou do tema inovação de forma geral, mas com foco especial na iniciativa privada, o doutor Narcizo abordou o tema do ponto de vista do setor público no Brasil”, comentou. O evento dá sequência às atividades da  assessoria de inovação, uma das mais recentes apostas da direção da Cogerh.

Defendendo a bandeira de que o serviço pode e é, muitas vezes, inovador, Rodrigo Narcizo trouxe exemplos reais de inovação em processos e serviços do campo estatal que podem influenciar modelos de inovações em outras instituições. Narcizo trouxe ainda conceitos sobre design thinking, metodologia certeira que vem revolucionando a maneira de organizar as práticas de trabalho, alcançando resultados satisfatórios. “O design thinking fornece um processo estruturado que ajuda a alcançar a inovação”, explicou. O gerente de desenvolvimento operacional, Disney Paulino, reconheceu e importância da metodologia e sugeriu durante a palestra que a Companhia trouxesse capacitações sobre o tema.

Já Abraão Freires tratou do tema “Inovação – Conceitos e Práticas.” O diretor do Centro de Empreendedorismo da UFC trouxe conhecidos modelos de negócios inovadores que inspiram pessoas e instituições. Desde ideias de carros compartilhados, estadias compartilhadas, serviços de streaming, até chegar em ações inovadoras promovidas por instituições da área de Recursos Hídricos. O destaque foi para o desafio promovido pela Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), que abriu espaço para a comunidade acadêmica propor soluções inovadoras para problemas da empresa. “A recompensa em dinheiro e a certeza de um estágio dentro da Companhia atraiu soluções surpreendentes e satisfatórias”, comentou Abraão.

Citado pelo professor, a recente parceria da Cogerh e da Universidade Federal do Ceará (UFC) para a criação do ousado Espaço das Águas, vai no sentido da inovação. “Abrir espaço para a expertise da comunidade acadêmica, aliando às práticas de trabalho reconhecidas da Cogerh, será sem dúvidas um grande projeto de inovação”, concluiu Abraão.