Até sexta-feira (16/01), Crateús, Iguatu e Crato serão beneficiados com a iniciativa

Crateús já pode ir se preparando para se envolver no processo de elaboração de um Plano Estratégico de Recursos Hídricos do Ceará. Isso porque o Pacto das Águas chega hoje (15/01) ao município, no Crede 13 (BR 223, Km03). Amanhã será a vez de Iguatu e Crato, respectivamente na Escola Agrotécnica Federal e no Núcleo de Prática Forense da Universidade Regional do Cariri.

Utilizando o documento “Cenário Atual dos Recursos Hídricos” elaborado pelo Pacto das Águas, a comunidade será estimulada a pensar os problemas locais para buscarem soluções nos próximos encontros a serem realizados em escala municipal e regional.

Dessa forma, o documento traz à sociedade uma grande compilação de dados sobre a distribuição, gerenciamento, condições de oferta de água no Ceará. Com ele, pode-se contar com um diagnóstico atualizado, resultado de diversos seminários, encontros e oficinas realizadas durante o ano passado.

Esta terceira fase conta com o envolvimento dos comitês de bacias e serão realizadas, em janeiro e fevereiro, oficinas em todas as regiões do Estado. “Agora, chegamos ao foco da questão. Conhecer e identificar de perto os desafios a serem enfrentados por toda a sociedade – órgãos, entidades e cidadãos em geral”, afirmou o coordenador do Pacto das Águas, Eudoro Santana.

O projeto tem sido articulado pelo Conselho de Altos Estudos e Assuntos Estratégicos da Assembléia Legislativa, envolvendo aproximadamente 86 instituições inclusive a Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos – COGERH. O Parlamento assume o papel propositivo, indicando ao final deste ciclo um Plano Estratégico para outros Estados a partir de uma visão estratégica e sustentável para a garantia da Segurança Hídrica.

 

Compartilhe:

categorias: | Notícias
tags: