Página Inicial Imprensa Noticias Comitê da Bacia do Acaraú define vazões de operação de açudes

Comitê da Bacia do Acaraú define vazões de operação de açudes

Avalie este item
(0 votos)

Membros se reuniram no dia 08 de junho em Sobral para definir as vazões de operação do Vale do Acaraú

Ocorreu na última sexta-feira (08) a 49ª Reunião Ordinária do Comitê da Bacia Hidrográfica do Acaraú, no Auditório do Parque de Exposições de Sobral. O objetivo da reunião foi definir as vazões de operação dos açudes que compõem o Vale do Acaraú, sendo estes: Açudes Araras, Edson Queiroz e o do sistema Taquara-Jaibaras.

Assim ficaram definidas as vazões: do Açude Araras uma vazão de 4000 l/seg, para atendimento de múltiplos usos de montante e jusante; do Açude Edson Queiroz uma vazão de 1100 l/seg, também para atendimentos múltiplos; e do sistema dos reservatórios Taquara - Jaibaras ficou definida a vazão de 1000 l/seg, sendo 1100 l/seg transferidos do Taquara para o açude Ayres de Souza.

O início da reunião contou com uma avaliação da quadra chuvosa de 2018, seguida de uma previsão de tendência para 2019, com a funcionária da Funceme Meyre Sakamoto. Na ocasião também foram definidos os parâmetros mínimo e máximo dos açudes isolados da bacia, que deverão ser discutidos em reuniões locais de alocação de água nos reservatórios, para se definir a operação desses para o segundo semestre de 2018.

O evento contou com a presença de 82,3 % de seus membros, além de representantes da COGERH-Fortaleza, a Diretora de Operações Déborah Rios, os Assessores Gianni Lima e Emanuel Oliveira, além do Coordenador de Fiscalização Sr. Alves Neto e o Técnico da GERIH Mateus Perdigão. Da Gerência de Sobral contou-se com a contribuição do gerente Regional, Bartolomeu Almeida, os Coordenadores Rodrigo Rodrigues e Kamylle Prado, além dos técnicos Adriana Oliveira e Dayane Andrade.

Ler 92 vezes Última modificação em Terça, 12 Junho 2018 10:19